Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

28
Fev 09

Conversas de Ontem, Hoje e Amanhã 098

publicado por plectro às 02:24

Cuidado com o CARRRRRRRRROOOOOOOOOOOOOOooooooooooooo................... ai, ai...

publicado por plectro às 02:22

Mulher Gelada

"FRIA"

Aqui, a rua está tão agitada...
Nas gentes um sorriso se retrata
E nestas noites um luar de prata,
Aviva a coisa mais inanimada...

E ali no largo, perto da esplanada,
Ali mesmo tu estás, distante, ingrata...
E em meu corpo um fogo se desata,
Queimando esta minha alma já queimada,

Por te sentir fria!... Fria e distante...
Por me sentir de todo desprezado...
E nesse tempo, nesse mesmo instante

Eu começo a fugir amedrontado...
O luar vai... se apaga lancinante...
E ali, no chão, eu quedo abandonado...

Haragano, O Etéreo in Noites Perdidas

Fria

publicado por plectro às 02:16
Palavras Chave:

Florbela Alma da Conceição Espanca

"FLOR BELA"

Florbela...! Branca pétala suave
Lhe vai cobrindo só a curta vida
Eternamente presa, esmorecida,
Tal como na gaiola morre a ave...!

E quem ao pé de si a campa cave
Há-de encontrar, na terra dolorida,
Restos de mágoa e dor incompreendida
Pois que a porta de amor perdeu a chave...

Porém... ao se espreitar, então, cuidado,
Abre à noite... à sombra... e ao pecado...
As portas do castelo da Saudade...

E nesse espelho de árida ansiedade
Uma sozinha pena... cava... arranca
Gritos da Alma e à Flor bela Espanca...

Haragano, O Etéreo in Noites Perdidas

 

Florbela Espanca

publicado por plectro às 02:08
Palavras Chave:

27
Fev 09

Conversas de Ontem, Hoje e Amanhã 097

publicado por plectro às 10:09

Um logo que deixa muito a desejar

publicado por plectro às 10:06

Estrelas

"ESTRELA"

Na noite hiper-estrelada procurei
Sob o brilho do Verão, à Lua Cheia,
A estrela mais brilhante da cadeia...
Mas desse cintilar todo encontrei

Apenas uns reflexos, mera grei,
Coisas pequenas como a Cassiopeia,
Sem alma, sem chama ou epopeia...
Na noite hiper-estrelada eu tentei

Achar o diamante mais perfeito,
Um tal que me aplacasse a agonia
Da saudade inflamada no meu peito...

Na noite hiper-estrelada fez-se dia,
Ao encontrar a Estrela, amor, enfim,
Brilhando nos teus olhos para mim!...

Haragano, O Etéreo in Noites Perdidas

Olhos Estrelares

publicado por plectro às 10:03
Palavras Chave:

Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9




Seja Bem vindo ao Twitter
Follow JJGilSaraiva on Twitter
Sites Mais Úteis - Directório de Páginas Web em Portugal

Busca na web
Aonde.com - outros serviços: Download, Jogos e BuscaUrl
subscrever feeds
O Vagabundo

ver perfil

seguir perfil

2 seguidores

pesquisar neste blog
 
Certificado
Site certificado
voos
voos baratos lisboa
voos baratos roma
+ Blogs
maisblogs.net
Blog Top Sites
Humor Blogs - Blog Top Sites
blogs SAPO