Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Desabafos de um Vagabundo

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

Desabafos de um Vagabundo

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

30
Nov08

Fado

Gil Saraiva

Fado

"FADO"

Nesta cidade velha de estudantes,
Ouvindo hoje à noite a serenata
Na sé velha, velhinha, aristocrata,
Tudo parece, em redor, como dantes:

Mundo novo de livros e amantes,
Mas antigo no negro da gravata
E nas guitarras, pla noite abstracta,
Tocando negros fados suplicantes...

E do negro das capas, das batinas,
Despertam encantados sentimentos
Nos corações perdidos das meninas.

Não tenho eu nessas capas meus talentos,
Mas declamo mais alto, apaixonado,
Meus versos para ti: supremo Fado...

Haragano, O Etéreo in Cristal de Areia

29
Nov08

EXpo

Gil Saraiva

Expo

"EXPO"

No terminal da Gare do Oriente
Uma nova visão encontro enfim...
E sem olhar pra trás eu vejo, em mim,
O pôr-do-sol sumir tão sorridente

Mais parcendo nascer de Ocidente
Do que lugar à noite ir dar por fim...
A Expo-dos-sentidos... um jasmim,
Perfuma cada poro e minha mente...

E o teu odor num beijo me penetra,
Receios de impossível chegam já,
Mas tens tu no olhar a forma electra

Que a tua voz transforma em oxalá...
Vamos loucos fazer amor, dueto
Seremos tu e eu num só soneto!...

Haragano, O Etéreo in Cristal de Areia

28
Nov08

Estéril 28/11

Gil Saraiva

Estéril

 "ESTÉRIL"

Ali! Reparai nela, ó Salvador,
Ali, naquela casa, nesse canto,
Coberta daquele feio, negro manto,
Pertinho da lareira, num torpor...

Ali está ela... Oh! Vede-a Senhor,
Tão jovem... tem na face o triste pranto
Escondendo-lhe a beleza e o encanto,
Descobrindo-lhe as rugas de temor!...

Essas marcas fatais de vil tormento,
De espera vã... de eterno sofrimento,
Num rosto por si só, superior arte.

Ó Senhor... do Divino Vosso Brilho,
Dai à pobre mulher ínfima parte,
Fazei com que o seu ventre gere um filho!

Haragano, O Etéreo in Cristal de Areia

28
Nov08

HenriCartoon - O Pinho é que manda

Gil Saraiva

 

HebriCartoon - O Pinho é que manda por Henrique Monteiro

 O Pinho é que manda…

Se os combustíveis baixarem de preço para o seu devido valor quantos milhões deixa o nosso Pinho de arrecadar nos cofres ávidos do Estado dito Socialista? Alguém sabe quantificar???
O Pinho é que manda, a regulação faz como a Justiça e cega para que os reguladores mantenham os seus chorudos cargos, as distribuidoras de combustível alinham no jogo, até porque com isso enchem os bolsos… e no final o Povo é que paga para toda esta gente que assim chega ao final de cada ano de bolsos bem recheados.
Gabriel Garcia Marquez escreveu “Crónica de uma Morte anunciada”, a nossa História será escrita de muitas mortes mais do que anunciadas, provocadas mesmo. O custo de vida tem custos na vida de muitos, mas nessa altura o Pinho já cá não estará para responder pelos seus actos socráticos.
Até lá… O Pinho é que manda…
Gil Saraiva

27
Nov08

"EDIE'S BAR" 27/11

Gil Saraiva

 

Edie's Bar - Dedicado ao Bar dos Iron Maiden no Algarve

"EDIE'S BAR"

Na imunda caverna pesadelos
De tétricas lembranças tão de volta,
Baladas de Heavy Metal há à solta
Nesses gritos de voz em desmazelos...

Nas paredes as fotos, os modelos,
Demónios são, de mundos sem escolta,
Os Iron Maiden tocam a revolta,
Fazem grunhir os próprios cotovelos...

Guitarras choram clips visionados
Num ecran de terror e de folia,
A música assim vai pelos teclados

Em batuques pejados de agonia...
Escorre mais cerveja nas gargantas,
No bar há vida e morte até às tantas...

Haragano, O Etéreo in Cristal de Areia

27
Nov08

HenriCartoon - O Estado da Nação

Gil Saraiva

 

HenriCartoon - O Estado da Nação por Henrique Monteiro

 O Estado da Nação…

Descobri o outro dia, por mero acaso, que o mar comunitário, em dois terços, é português. Ou seja, somos, aliás temos, um dos recursos mais estratégicos da Comunidade Europeia.
Este facto, por si só, deveria ser suficiente para que a CE apoiasse de uma forma firme e eficaz, com as devidas precauções e garantias, o desenvolvimento do nosso país, fazendo com que não só estivéssemos nos países de topo da Europa como lá permanecêssemos.
Temos também, nos Açores o mais estratégico território de todo o Oceano Atlântico. O que deveria obrigar a NATO a dotar-nos de uma força militar capaz de forma a sermos compensados pelos riscos inerentes à nossa geoestratégica situação.
Podia dar mais exemplos como estes, mas não vale a pena, o estado da Nação é este apenas porque os nossos governantes têm vindo a defender a sua passagem pelo Poder e não o poder desta Nação e os seus recursos. Somos apenas um produto da governação malparada que temos tido nos últimos 30 anos. È tempo de alguém dizer basta, mas um basta que se oiça e faça eco na Alma Lusa.
Estou como diria Pessoa: “… Ó Mar salgado, quanto do teu sal são lágrimas de Portugal…?”

Gil Saraiva

26
Nov08

Deus 26/11

Gil Saraiva

 

Deus

"DEUS"

Deus, eterna razão, razão perfeita,
O Criador do Mundo e do Ser Vivo,
Não tem nosso feitio intempestivo,
Nem cria obras de raiz suspeita!...

Mecânico, a que a vida se sujeita,
O Seu próprio princípio é inventivo:
Agir pela justiça, haver motivo
Pra crença, fé e um credo que se aceita...

Deus, que não tem princípio nem tem fim,
Que nos deu memória em prosa e verso,
Não pode permitir o fim do Hino

Da Obra Prima em mundo controverso...
"- Deus, Pai, Senhor Supremo, Paladino,
Ajuda-nos a sermos Universo!..."

Haragano, O Etéreo in Cristal de Areia

26
Nov08

HenriCartoon - Justiça Cega

Gil Saraiva

HenriCartoon - Justiça Cega por Henrique Monteiro

 Justiça Cega…

Está a chegar ao fim o Caso Casa Pia. Pelas alegações finais ficamos com a sensação que as crianças violadas na Casa Pia deveriam ser presas e mantidas nos calabouços de forma a evitar que tentem de novo os predadores.
Não estou aqui a condenar ninguém, aliás nem acredito na culpabilidade de todos os arguidos e considero até que os principais vampiros ficaram de fora do processo, como não podia deixar de ser neste estado que se diz de direito, mas que, no fundo, pouco faz para se endireitar.
Estou aqui para afirmar que a montanha vai parir um rato. Quatro anos de julgamento, milhares de páginas de processo, milhares e milhares de euros consumidos em investigações, procedimentos, demandas, buscas e toda a parafernália de eventos que rodeia este tipo de casos e, no final, tenho dúvidas que alguém venha a cumprir prisão efectiva, isto para além da preventiva anteriormente aplicada.
Pode ser que me engane, mas para mim, em Portugal, a Justiça é Cega mesmo!

Gil Saraiva

25
Nov08

Cristais de Areia 25/11

Gil Saraiva

Cristais de Areia

"CRISTAIS DE AREIA"

Foi quando a bruma veio esconder o Sol,
Que na praia da Ode, nua e sã,
Arisca tu mordeste essa maçã,
Me embebedando mais do que álcool...

Na vasta praia nosso guarda-sol,
Se erguia só... nas névoas da manhã...
Sem pressas de partir, sem amanhã,
Apenas nós na areia, qual lençol,

Nos amávamos mais e muito mais...
Nessa praia escondida pelas dunas,
Onde piratas mil escondem fortunas,

Encobertos plo verde dos pinhais,
Fomos cristais de areia em comunhão
E até o mar chorou nossa união!...

Haragano, O Etéreo in Cristal de Areia

Pág. 1/6