Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Desabafos de um Vagabundo

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

Desabafos de um Vagabundo

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

07
Jan09

Henricartoon: Ei-la (A Recessão)

Gil Saraiva

HenriCartoon - Ei-la: A Recessão por Henrique Monteiro 01

HenriCartoon  - Ei-la: A Recessão por Henrique Monteiro

HenriCartoon - Ei-la: A Recessão por Henrique Monteiro

 

 

 

   A Recessão

Dizem que ela chegou. A Recessão. No entanto, se todos e cada um de nós tiver voto na matéria, eu voto contra. O nosso Primeiro já nos garantiu todas as medidas para acabar com ela. Pelo que a Recessão, mesmo que venha, não criará raízes.
O Governo fará como fez aos quatro mil emigrantes a quem vedou a entrada em Portugal e que repatriou. Assim sendo não temos com que nos preocupar. Sócrates diz que está pronto para tudo.
O Povo também estaria se ganhasse um décimo do que recebe o nosso Primeiro, quer em ordenado quer em ajudas de custo, carro, deslocações e subsidio de risco contra tomates podres, livros escolares, seringas hipo… qualquer coisa, sapatos ou mesmo Ovos da Páscoa do ano passado.
Vejamos, estamos à beira da deflação, os portugueses morrem menos dezassete por cento em 2008 nas estradas portuguesas e a tendência é de continuar a baixar, os combustíveis descem de preço, os juros baixam com a gorda da Euribor a perder peso a olhos vistos para recordes nunca antes sonhados nos últimos dez anos, as prestações das casas baixam junto da banca, alugar ou comprar casa ou loja é bem mais barato este ano.
E ainda, o ordenado mínimo sobe o máximo de uma só vez em 2009, o julgamento da Casa Pia chega ao fim, a MediaMarket tem saldos incríveis para os que não são parvos, o Continente faz cinquenta por cento de desconto em cartão da marca, a Banca recebe injecções do Estado contra a Gripe das Aves Raras, contra a Peste Suína do Capital, contra a doença das vacas loucas com os saldos e promoções…
Mas há mais, o Magalhães vende mais que os subsídios europeus da agricultura que o nosso governo devolve a Bruxelas pois já estamos hiper-desenvolvidos. Vêm ai as obras das Câmaras Municipais em ano de Eleições, mais as grandes e pequenas obras do Estado. Mais os empregos criados em 2009 só para alimentar a máquina eleitoral de três votações. A crise da Educação corre veloz para um final que não sabemos triste, mas que corre, corre. As belíssimas vozes e interpretações dos ABBA no filme Mamma Mia dão esperança a qualquer português de poder iniciar uma carreira vocal a todo o momento…
As novelas portuguesas vão continuar, a Manuela Moura Guedes não vai deixar de ser Pivot da TVI, não vamos passar vergonhas em europeus ou mundiais de futebol porque não os há este ano, o ministro das finanças vai lançar um orçamento suplementar, o AKI tem os preços em queda de tal forma que um dia a casa vem a baixo. A Moviflor diz que vende em doze meses sem juros mesmo que os móveis durem menos do que isso. Eu próprio coloquei uma velinha à Nossa Senhora dos Aflitos para ver se o Rui Silva deixa de comentar de uma vez por todas o futebol na Sic.
Com tudo isto e com a vossa ajuda, a RECESSÃO não passa. A RECESSÃO não passará. Tenho dito.

 

Gil Saraiva

07
Jan09

Jamais 07/01

Gil Saraiva

 

Olhares por Gil Saraiva
"JAMAIS"

Sentir um amor
Estando ele ausente...

Olhar para quem
Não posso ver...

Beijar uns lábios
Que não sinto...

Falar contigo no presente
Sem a tua presença
Eu poder ter...

Sonhar que sinto
O que perdi...

Amar,
Não minto,
Aiii só...
Somente a ti...

Sonhos eu tenho
E eles me fazem sofrer
Porque sei que jamais
Os poderei viver...

Haragano, O Etéreo in Gota de Lágrima