Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Desabafos de um Vagabundo

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

Egoísmo 25/02

 

Egoísmo

"EGOÍSMO"

Vi, na TV, agora, ao meio dia,
Imagens da mortal inundação...
Vi, através da chuva que caía,
Gotas de sangue e lama em confusão...

Ouvi, à tarde, nesta telefonia,
Gritos desalojados de ilusão...
Ouvi um pandemónio de agonia
Num baixinho "caim" de um velho cão...

Senti, no ar, na noite, pela rua,
O desespero dessa pobre mãe
Tapando com seu corpo a filha nua...

Provei, de madrugada, aqui, também,
Aquele egoísmo frio da minha alma:
De ver noutros a dor... dormiu mais calma!...

Haragano, O Etéreo in Noites Perdidas

Egoísmo

Durante 24/02

Molhado pela Chuva

"DURANTE..."

Durante toda a noite caminhei,
Molhado pela chuva e plo desejo...
Durante toda a noite quis um beijo
E só a chuva insípida beijei...

Durante toda a noite procurei
Para poder sentir o que não vejo,
Suave pele buscando com ensejo,
Faminto porque nunca te provei...

Durante toda a noite até ser dia
Nunca por nunca ser a voz te ouvi...
Mas se eu gritei ao vento que te queria

Jamais o vento me falou de ti...
Durante toda a noite procurei
E só a chuva insípida beijei...

Haragano, O Etéreo in Noites Perdidas

... e só a chuva insípida beijei

Perdido 23/02

 Lontras Perdidas

 "PERDIDO..."

Contigo quero ter o sexo porno,
Lascivo, sado, louco, inconcebível...
Contigo quero ter indescritível
Noite de amor, ao rubro, como um forno...

Contigo quero ser metal no torno,
Pronto pra ver moldado de impossível
Meu aço, às tuas mãos, inconcebível...
Contigo quero ter o beijo morno,

Dado pelos amantes imortais,
Em noites, plos poetas, não sonhadas...
Contigo quero ver as madrugadas

Plenas de mimo e amor, entre teus ais...
Contigo quero amar... louco varrido....
Em ti me quero perder, ficar perdido!...

Haragano, O Etéreo in Noites Perdidas

 Contigo

Os Primeiros 7 Cartoons dos Desabafos de Um Vagabundo

Um Dia Para Recordar

Passados que estão quatro meses desde o inicio deste blog resolvi lembrar aqui os primeiros sete cartoons, feitos sem Miga e pior ainda sem Magalhães,  mas já com a dupla a participar nos mesmos.

As graçolas perderam actualidade, se é que alguma vez foram graçolas, mas têm o mérito de ter sido as pioneiras desta doida aventura de contar Portugal. Espero que seja do vosso agrado. Sempre por aqui,

 

Gil Saraiva

 

Miga a Formiga: A Guerra das Almofadas

Conversas de Ontem, Hoje e Amanhã, 086 - A Guerra das Almofadas no Terreiro do Paço

 

Miga a Formiga: A 6ª. Jornada da 1ª. Liga Nacional 2008/2009

Conversas de Ontem, Hoje e Amanhã 087 - A 6ª Jornada de 2008/2009

 

Miga a Formiga: A Nacionalização do BPN

Conversas de Ontem, Hoje e Amanhã 088 - O Caso BPN e a Nacionalização

 

Miga a Formiga: Sócrates e O Canto dos Cisnes

Conversas de Ontem, Hoje e Amanhã 089 - O Canto dos Cisnes

 

Miga, a Formiga: As Previsões na América

Conversas de Ontem, Hoje e Amanhã 090 - As Previsões na América

 

Miga, a Formiga: Santos, O Diabo Vermelho

Conversas de Ontem, Hoje e Amanhã 091 - Santos, O Diabo Vermelho

 

Miga, a Formiga: O 44º. Presidente dos EUA

Conversas de Ontem, Hoje e Amanhã 092 - O 44º. Presidente dos EUA

Bolero 21/02

 

Bolero

"BOLERO"

Mais uma vez aquele bolero tocava
Ondas de espuma... crinas de corcel...
Aguarelas pintadas sem pincel...
Ondas de noite... sexo... sons de lava...

Mais uma vez aquele bolero soava,
Como suavam corpos num hotel...
No ar crescia o sonho de Ravel
Que aquele maestro irado interpretava...

Mais uma vez ali... ouvi bolero,
Acompanhando este meu louco beijo
E modelando, em mim, em meu desejo

Um grito ardente: "- Amor, como te quero..."
Mais uma vez meu coração bateu
Tocou bolero, amor, perto do teu...

Haragano, O Etéreo in Noites Perdidas

Bolero de ravel

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Seja Bem vindo ao Twitter

Follow JJGilSaraiva on Twitter

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D