Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

20
Abr 09

Conversas de Ontem, Hoje e Amanhã 149

publicado por Gil Saraiva às 06:22

publicado por Gil Saraiva às 06:19

Proibido uninar no PC

publicado por Gil Saraiva às 06:13

 

O Toque de Gil Saraiva

"SE"

Ai!... Se este viver nosso, em nossa vida,
Tem real importância, na verdade;
Se amor se vive, em nós, em lealdade;
Se não te dás, tu mesmo, por vencida;

Se não pensas em breve despedida;
Se choras por, apenas, felicidade;
Se nunca foi, nem é, só caridade
O motivo que a mim te tem unida;

Se, para ti, Amor, o amor é arte;
Se, para ti, sou só eu a escultura
Que um certo artista, um dia, retalhou

Espero ser, e vir da tua parte,
A vida, o ter, o amor e a ternura,
Que de mim para sempre se apossou...

Haragano, O Etéreo in Folhas de Outono, Flores de Primavera

Se...

publicado por Gil Saraiva às 06:08
Palavras Chave:

raptor

Não é possível deixar passar em branco o passado dia 16 de Abril que foi o Dia Mundial da Voz. A voz que nos permite comunicar o que pensamos, transmitir conhecimentos, descrever imagens... enfim, deixo um poema dedicado ao dia: 2As Vozes" 

Gil Saraiva

 

"AS VOZES"

No austero silêncio
Da net
A comunicação é infinita,
De todos
Para todos,
Tal como o infinito
Que nada mais é
Que tudo
Para tudo...

Por uma rede
Universalmente livre,
Que não se calem
Nunca
As vozes do futuro:

As nossas vozes!!!

Nascemos selvagens
E livres
Para a internet...

Sem regras,
Sem normas,
Sem segurança,
Com garra,
Com ganas de saber...

Agora,
Na ânsia do lucro,
Os vampiros do capital
Procuram o comando,
Do que nasceu nosso,
Porque foi feito
Por nós!...

Por uma rede
Universalmente livre,
Que não se calem
Nunca
As vozes do futuro:

As nossas vozes!!!

Haragano, O Etéreo in Trovador Binário

 

Fica ainda, por fim, à laia de um  memorial um abraço a quem que foi uma voz maior deste país, agora que passam três anos que nos deixou, José Ramos.

Já passaram 3 anos e parece que ainda ontem o escutamos...

publicado por Gil Saraiva às 05:40
Palavras Chave: ,

 

Coimbra

Em homenagem às celebrações do passado dia 19 de Abril deixo um soneto como dedicatória a esse dia que vale a pena ver inscrito na nossa memória colectiva.

 

Gil Saraiva

 

"O ELIXIR DA LUA"

Por entre o verde, acima dos telhados,
Junto ao histórico centro desta vila,
A esperança desperta, não cochila,
Nos corações agora apaixonados...

Na velha Sintra, muros e cercados
Geram recantos onde a sombra oscila,
Criando ninhos negros de tranquila
Intimidade e fontes de pecados...

Vendo o vermelho e azul dos azulejos,
Os brancos ou os ocres nas paredes,
O amarelo e verde em velhas redes,

Húmidas sebes loucas de desejos,
É fácil de entender que, em qualquer rua,
Se sinta e cheire... o elixir da Lua...

 Haragano, O Etéreo in Serra da Lua

De tirar a respiração...

publicado por Gil Saraiva às 05:31

Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9





Seja Bem vindo ao Twitter
Follow JJGilSaraiva on Twitter
Sites Mais Úteis - Directório de Páginas Web em Portugal

Busca na web
Aonde.com - outros serviços: Download, Jogos e BuscaUrl
subscrever feeds
O Vagabundo

ver perfil

seguir perfil

2 seguidores

pesquisar neste blog
 
Certificado
Site certificado
voos
voos baratos lisboa
voos baratos roma
+ Blogs
maisblogs.net
Blog Top Sites
Humor Blogs - Blog Top Sites
blogs SAPO