Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Desabafos de um Vagabundo

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

HenriCartoon: "Susan Boyle - A Superestrela da Nova Geração"

O traço divinal de Henrique Monteiro apanha o momento com uma deliciosa precisão....

Susan Boyle

 

O fenómeno não é realmente vulgar. Dentro da ostra sai a pérola que espanta o mundo... e o mundo rende-se à beleza da joia oculta dos olhares, agora exposta pelo mediatismo televisivo e divulgado atá à exaustão pela internet..

Susan Boyle é a ostra e a sua voz a pérola. Coexistem ambas num prepétuo devir que poderia nunca ter conheccido a luz. Perante a beleza oculta rende-se o mundo e a tardia homenagem é prestada com ares de vergonha de quem julgou primeiro pela forma sem conhecer o conteudo.

Susan Boyle é uma das razões pelas quais eu acho que ainda vale a pena acreditar no ser humano. Ela desperta em nós o enternecimento esquecido nas muralhas do mundo economicista em que vivemos.

Deixo um poema dedicado à Pérola...

Gil Saraiva

 

"PÉROLA ORIENTAL"

Aberta a feia ostra luz se faz,
Um brilho novo nasce natural,
Nasce do feio um belo sem igual,
Estrela da manhã que a noite traz...

Tal como de uma guerra brota a paz,
Da feia ostra vem novo ideal,
Pérola, mar, segredo oriental,
Paradoxo sem Deus ou Satanás...

A oriental pérola é magia,
Símbolo de natura e perfeição,
Em si contém o brilho da paixão,

Tal como a ostra tem a bizarria...
E se a bizarra for a própria dor
É a pequena esfera o vero amor!...

Haragano, O Etéreo in Terra de Vénus

 

http://www.youtube.com/watch?v=j15caPf1FRk

 

Dia da Terra - Earth Day - Dia Internacional da Terra e do Património Geológico 22/04/2009 - A Mensagem da Terra

 

Dia da Terra

Bem-vindos ao Dia da Terra.

Este é um dia para nos lembrarmos que temos um património comum.

Earth Day

Não se trata de uma propriedade americana, chinesa ou brasileira, ou mesmo nossa, não! O planeta é de todos nós e deve ser tratado como um bem comum.

Dia Internacional da Terra

Preservado e conservado como um recurso escasso e não como algo infinitamente regenerativo. A Terra tem limites e, infelizmente, nós já os ultrapassamos. Tal como a nossa mãe… lembrem-se: Terra, há só uma!

A Terra tem Limites e já os ultrapassamos...

Deixo um poema de amor: Mensagem da Terra

Gil Saraiva

Mensagem da Terra

"A MENSAGEM DA TERRA"

Olá amor...
Digo eu, sorrindo
Séculos de felicidade,
Qual geólogo ou geofísico
Que encontra a plena realização
De toda uma vida
Ao julgar explicar a formação
Das cadeias de montanhas
Ou do genuíno batólito que fez nascer
A Serra da Lua...

Olá amor...
Tu que és como a teoria
Que parece ser definitiva,
Firme, estática, mas que evolui
Pelos resultados das novas observações
De um verdadeiro existir,
Como tu, entre tese e antítese,
Construindo a essência
Que te torna única...
Que te faz bela...

Olá amor...
Tu és o fenómeno
Onde eu recomeço a cada dia,
Desde o mais primitivo início,
A minha apaixonada investigação,
Observando directamente, a nu,
O conhecimento de ti...
Onde eu procuro a confirmação
Do transcendente amor
Que me invade as veias
E me explode
O coração...

Olá amor...
Tu és a mensagem da Terra,
A voz da Serra da Lua,
O ser que me faz Sintra,
O elemento que transforma
A pedra em rocha,
O batólito em História,
A História em tradição,
A tradição em lenda,
A lenda em romance
E o romance em amor...

Olá amor...
Tu és a mensagem da Terra
O estrato mais subtil,
Mais puro
Porque, apenas em ti,
A pedra vira amor
E o sedimento:
Pilar!

Olá amor...
Tu és a árvore
Que veio de fora
E que fez verde a Serra toda...
A raiz que se expandiu
Transmitindo a palavra
Que se fez fértil,
Que se fez vida,
Que gerou felicidade!...

Olá amor...
Tu és a onda que chega
Num perpétuo renovar das areias,
Sombrias de minério,
Da Praia Grande...
De onde espalhas a tua mensagem,
Tão permanente
Como as pegadas que os
Dinossauros deixaram, para sempre,
Eternizadas nas rochas...

Olá amor...
Assim transmites, pelo brilho
Da espuma e do granito,
Que amar é existir
Em fusão e harmonia...
Pois que esta é,
Na forma cristalina,
A Mensagem da Terra!

Haragano, O Etéreo in Serra da Lua

 

A Mensagem da Terra

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Seja Bem vindo ao Twitter

Follow JJGilSaraiva on Twitter

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D