Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

08
Abr 11


 

 

“PENA INFINITA”

 

Que mais posso dizer sobre este amor?

Adjectivar o quê que falte ainda?

A poesia eu já darei por finda

Ou falta-me algo mais para compor?

 

Falar talvez da alma e em louvor

De como em mim ela é sempre bem-vinda,

Gritar pelos pulmões que é bela e linda,

Ou dar palestras nobres do fulgor

 

Com que sou eu amado, em cada dia,

Talvez dizer em verso que é divina,

Quanto tem de selvagem e menina,

 

Como sem ela morre a poesia…

Não! Porque enquanto a amar minha alma grita

Que a tinta desta pena é infinita!

 

Haragano, O Etéreo in Livro de Um Amor

(Gil Saraiva)

publicado por Gil Saraiva às 01:34

Abril 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9





Seja Bem vindo ao Twitter
Follow JJGilSaraiva on Twitter
Sites Mais Úteis - Directório de Páginas Web em Portugal

Busca na web
Aonde.com - outros serviços: Download, Jogos e BuscaUrl
subscrever feeds
O Vagabundo

ver perfil

seguir perfil

2 seguidores

pesquisar neste blog
 
Certificado
Site certificado
voos
voos baratos lisboa
voos baratos roma
+ Blogs
maisblogs.net
Blog Top Sites
Humor Blogs - Blog Top Sites
blogs SAPO