Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Desabafos de um Vagabundo

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

Beijo de Leitão

214 - leitão.jpg214.Beijo de Leilão, oferecido por uma estrela, qual Ricky Martin, beijando as fãs, que pagam sorrindo largos milhares de dólares por um beijo de boca. Parece dado com alma, mas sem sentimento por quem brilha. Apenas sentido no coração da arrematante, que não liga ao custo, que devora quase o que recebe. Um ato caro, entregue a essa dama ávida de estrela, de herói, de fanatismo. Beijo de leilão, mediático, fotogénico, confuso, ignorado por quem o deu, mas inesquecível para quem o arremata com furor.

Beijo Lendário

213 . lendário.jpg213. Beijo Lendário, aventureiro e atrevido, aparecendo de surpresa, sem se fazer anunciar. Cheio de ternura, solidário e forte, aguerrido e firme, romântico e infantil, sonhado por descobridores e conquistadores em todo o mundo. Imaginado, descrito e inventado por poetas, pintores e compositores, tentado por Casanova, Rodolfo Valentino, Balzac, e outros mais. Solicitado, a peso de ouro, pelos poderosos, ricos e avarentos deste mundo, mas que, para ser dado, apenas precisa de um sorriso e uma troca de olhares que tudo diga sem uma só palavra. Porque a lenda nasce no silêncio do colar dos lábios.

Beijo de Leão ( Série Signos do Zodíaco)

212 - leão.jpg212. Beijo de Leão, vivendo o momento e, tal como os portadores deste signo, nascido na atração por outro alguém, ganhando paixão, tornando-se vibrante e dramático, quase teatral. Por ser tão cativante ele é capaz de absorver as energias a quem beija, levando a pessoa a sentir-se única no mundo e a admirar sobremaneira o seu beijador. Nenhum outro beijo possui uma tão sedutora simpatia. A situação é de tal forma que quem o recebe fica com a sensação de dever cumprido, não como uma obrigação, mas como algo que nunca se poderia deixar por fazer. Beijo de Leão, único, primeiro e especial, dado entre elogios e declarações vindas de quem beija, sempre apaixonado, apertado, firme e seguro, entregue num corpo a corpo em que os corações se tocam. Controlador e romântico, mas, em todas as situações, um beijo ardente.

Beijo Lascivo

211 - lascivo.jpg211. Beijo Lascivo, a pedir sexo por se tratar de um ato por si só sexual, sensual, erótico e convidativo para outras andanças mais detalhadas e abrangentes, concupiscente e libidinoso porque provocador das emoções primárias do ser e do existir, luxurioso na partilha húmida dos corpos e das bocas. Sublime no requinte ardente de fragrâncias e paladares perdidos na história oculta da experiência copulativa da humanidade. Beijo de feromonas, hormonas e de muitas zonas, sujeitas ao toque, ao sentir, à cumplicidade e ao prazer.

Beijo Lânguido

210 - lânguido.jpg

210. Beijo Lânguido, como se forjado na voluptuosidade das bocas ávidas dos amantes, deliberadamente deixando-se arrastar na febril ligação dos lábios e línguas que, ao invés de se debaterem entre si, como que se entrelaçam num passeio de volúpia conspiradora de deleites que se antecipam num futuro quase presente. Beijo lânguido, porque o início é fundamental para se chegar ao fim da louca caminhada chamada de paixão.

Beijo Lambuzado

209 - lambuzado.jpg209. Beijo Lambuzado, porque a língua não se confina ao interior da boca, percorre molhada, pelo contrário, caminhos escolhidos na face do outro. Buscando os sabores da derme, gerando a humidade cúmplice do envolvimento. Se aplicado por uma criança ou entre crianças, apenas traduz o despontar da descoberta do ato de beijar, atabalhoadamente percorrendo o trajeto da aprendizagem. Porém, entre amantes, o beijo ganha malícia, marca território e torna-se possessivo. Beijo lambuzado, varia com idade, mas entrega-se com ganas de propriedade adquirida.

Beijo de Lágrima

208 - lágrima.jpg208. Beijo de Lágrima, entregue como se se tratasse de um pingo de chuva, que embate e chora numa janela com pena de não deslizar unicamente na face destinada. Enviado com o romantismo da gota cristalina que foge da vista num momento exclusivo de felicidade e resvala livre e sem amarras pela derme morna de um rosto emocionado. Dado com a força da esférula única, que no orvalho da aurora, ao cair em direção ao solo num deserto abrasador, se dilui sobre a sequiosa flor de um cato que dela faz vida, cor e salvação última de uma secura até aí sem esperança. Beijo de lágrima que acende a chama e apaga a mágoa.

Beijo de Kiwi

207 - kiwi.jpg207. Beijo de Kiwi. Se cortado ao meio, na horizontal, o centro do fruto lembra uma boca estriada de sorriso branco no interior, se o cortarmos na vertical o núcleo ganha o formato de uma circunferência com as mesmas caraterísticas do anterior, na sequência alternada entre estes dois tipos de corte ficamos com a ideia de uns lábios em movimento que se alargam e estreitam na busca de um beijo. Nasceu na China, foi redescoberto na Nova Zelândia e, depois, propagado pelo mundo. Um ósculo de vida rico em vitamina C, magnésio, potássio e ferro. Beijo kiwi… serve-se fresco, de entrega universal, saudável na essência, suave em cada toque pela leveza aveludada da pele macia, de sorriso aberto num perpétuo movimento, na busca insana da outra metade para uma confluência una de bem-estar.

Beijo Kawasaki

206 - kawasaki.jpg206. Beijo Kawasaki, poder-se-ia dizer que este é um beijo de origem japonesa. Poderíamos referir os mais de cem anos de história da Kawasaki. Porém, este beijo, embora tendo em si toda a magia do Oriente, é, no seu cerne, um beijo de futuro nascido do apego ao desenvolvimento tecnológico da marca, que não se limita a produzir motos e afins, pois que, a sua grande aposta vem dos motores de avião e dos produtos aeroespaciais onde ocupa lugar de topo. Assim, um beijo Kawasaki é enérgico, firme, confiante, fiável e com futuro, um beijo de Sol-Nascente, lotado dos mais refinados detalhes preliminares da arte, cultura e tradição nipónica. Belo, elaborado na forma aerodinâmica com que se pode dar em viagem, ao sabor do vento. Beijo Kawasaki, aquele que nos faz atingir o topo, se entregue num amanhecer dourado, entre seres de quimonos ou trajos descompostos.

Beijo de Karma

205 - karma.jpg205. Beijo de Karma, um dos que muda o curso da história, de uma história, não importa qual. Não pela negativa, em que a palavra parece estar envolvida, mas pelo lado da esperança que, no Oriente, é dado ao Karma, como o beijo do Príncipe na Bela Adormecida. Algo que à dama faz sorrir num dia triste, rotineiro ou apenas menos conseguido e que, por isso, mude não o curso da sua história, mas apenas, o curso desse seu dia. Um dia mais alegre é um dos roubados ao lado negro da vida e ganho por aqueles dias que deveriam realmente contar. Para existir uma lenda há que criar o mito, desenvolver a história, inventar aquele momento inesquecível que se julgava de todo impossível de alcançar. Beijo de karma na senda de um novo rumo, na mudança de um futuro, pela via suave da felicidade ou do amor.

Pág. 1/4

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Seja Bem vindo ao Twitter

Follow JJGilSaraiva on Twitter

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D