Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Desabafos de um Vagabundo

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

Beijo Exclusivo

127 - exclusivo.jpg

128. Beijo Exclusivo porque único, não apenas ímpar, mas absolutamente destinado a ser entregue a uma e uma só pessoa, a uma e uma só mulher. Assim se quis e com essa finalidade foi gerado. Na senda deste jeito particular, privativo, restrito, pessoal e intransmissível a outro alguém. Imenso enquanto especial, próprio e específico, um daqueles que se consome de uma só vez, numa ocasião que, parecendo eterna, dura momentos, instantes que a memória regista, que a alma acolhe, que o coração agasalha. Beijo exclusivo, que não tem preço, mas cujo testamento, ao ser entregue, vale fortunas que duram uma vida.

Beijo Especialista,

117 - especialista.jpg118. Beijo Especialista, refinado, emotivo, afável, amigo, sincero, agradável, simpático, suave, simples, sorridente, alegre, vivo, empenhado, descontraído, cortês, doce, querido, especial, companheiro, desperto, morno, delicioso, carinhoso, participado, bem-disposto, comunicativo, substancial e aliciante. Ou seja, um beijo desejado, quente, húmido, emocionante, sentimental, vibrante, sedutor, sensual, arrebatador, sexual e inesquecível. Porém, hoje ou no futuro, seja onde for, independentemente do clima, do meio, das circunstâncias, da hora, do local e das inúmeras facetas que ele possua ou possa conter no cerne do seu existir, um beijo especialista para o ser é, e será para a eternidade, pessoal, intransmissível e único.

Beijo de Entrega

109 - entrega.jpg110. Beijo de Entrega, de rendição, resumido na assunção final de uma capitulação que se desejava há muito tempo e que tardava em chegar. Este é o beijo das paixões secretas, do amor platónico que finalmente consegue dar lugar à realidade. Um beijo de Florbela Alma da Conceição Espanca, reprimido durante anos na insana ânsia de o alcançar e cedido agora sem limitações de alma, de corpo, de ser e de existir. Tudo unido por uma explosão de sentimentos que só o amor autêntico abrange e consegue transmitir. Beijo de entrega, único, fiel, incondicional e, em qualquer situação, o mais almejado de todos os beijos.

Beijo Dourado

101 - dourado.jpg

102. Beijo Dourado, aquele em que a fortuna não se encontra no valor do peso em quilates, transmitido entre duas pessoas no ato perfeito de um ósculo que brilha no escuro, mas sim na luz própria que possui, para aqueles que têm a riqueza perto do coração, junto da alma, na essência do sentir, no vinculo único dos sentimentos de partilha, dádiva e entrega. Assim se entende que a verdadeira ventura de um beijo dourado se descubra no brilho dos sorrisos, no calor do contacto dos lábios, no pestanejar dos olhos, na indescritível perceção de verdade, carinho e fantasia que, de uma vez só, passa em uníssono pelas mentes de ambos os seres ali fundidos pela união das bocas, da pele, da existência, enquanto a magia do toque os faz vibrar de genuína felicidade.

Beijo Disney

099 - Disney.jpg

100. Beijo Disney, beijo de alegria, de romance, de lágrima no canto do olho. Quem não se lembra do beijo com esparguete de "A Dama e o Vagabundo", dos beijos da Margarida ao Pato Donald, que o faziam ferver e trepar paredes com a agilidade de um esquilo, do beijo do Príncipe na Bela Adormecida e tantos outros que nos foram comovendo, e ainda comovem, desde há sete décadas atrás. Em todos eles, agora como antes, se pode encontrar a marca tradicional da ternura, do carinho e do amor incondicional, único e fiel. Um cunho tão distinto que merece a sua tradução no nome de um beijo gravado na memória dos povos porque se tornou inesquecível. Beijo Disney, aquele que quando se dá é para sempre.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Seja Bem vindo ao Twitter

Follow JJGilSaraiva on Twitter

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D