Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Desabafos de um Vagabundo

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

Desabafos de um Vagabundo

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

12
Dez19

Beijo de Balança

Gil Saraiva

044 - balança.jpg

44. Beijo de Balança, porque a companhia gera o equilíbrio para este signo este é um que tem de ter paridade. Estamos no universo absoluto do dar e receber. Ele tudo faz para ser agradável e agradar, e o seu beijo é gentil, cúmplice e recíproco, a sua entrega leve, encantadora e amorosa na procura intensa de dar prazer a quem beija, não existe preguiça ou desleixo num beijo de um nativo de Balança. Aqui vive-se da afinidade e da empatia, da doçura e gentileza das palavras, da estabilidade e convivência. Se existisse um beijo mutualista seria este o protótipo sem a mínima dúvida ou hesitação. Beijo de Balança, produzido entre requinte e beleza, delicado, elegante e romântico, dependendo da orientação da outra parte são capazes do beijo mais fino e dócil ao mais excessivo e sexual.

13
Mar09

Balança 13/03

Gil Saraiva

 

Balança

 

"BALANÇA"

A vida, que se vive sem viver,
É o peso da morte na balança,
Que pende para o lado do sofrer
No prato negro da insegurança...

A vida, que se vive sem haver
Dentro dela uma mínima esperança,
É combate onde sem se combater
Se abandona o direito de mudança...

E se, na vida, eu não poder amar,
Sujeito-me ao consolo de chorar,
Pois que a vida, sem ti, é gargalhada...

É um eco cretino em minha mente...
Uma dentada dada por serpente
Nesta minha existência envenenada!...

Haragano,O Etéreo in Folhas de Outono, Flores de Primavera

Mulher Balança