Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Desabafos de um Vagabundo

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

Desabafos de um Vagabundo

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

02
Mar20

Beijo Estilo Luís XV

Gil Saraiva

124 - estilo Luís XV.jpg

125. Beijo Estilo Luís XV, este é um beijo de corte por excelência, dado com todos os rococós que esta real demanda exige. É o beijo da intimidade velada e algo secreta, que se partilha em alcova ou num recanto íntimo meio escondido dos olhares de terceiros. Um beijo para agradar mais ao elemento feminino, a quem é totalmente dedicado, do que ao masculino que procura apenas tirar prazer do beijo pelo deleite detetado no rosto da dama envolvida. Assim, se os beijos tivessem cor, este seria um beijo pastel, de tons suaves entre o salmão e o rosa, executado na penumbra, por detrás de um reposteiro devidamente engalanado, e cheio de pequenos detalhes, todos imaginados para provocar prazer e volúpia.

19
Jan20

Beijo de Corte

Gil Saraiva

082 - corte.jpg

83. Beijo de Corte, poderia ser este um beijo de vénia, de charme ou à Luís XV, mas embora ele possa ter toda essa força incluída, aqui importa mais o sentido do próprio do fazer a corte, do engalanar-se de rodeios e insinuações para se valorizar. Tudo à volta tem de ser criado de modo a dar-lhe grandeza e interesse, beleza e carisma, desejo e subtileza. Afinal interessa que a dama escolhida se sinta atraída pelo ambiente, pelo cavalheiro e pelo próprio beijo de um modo tão irresistível que a corte se torne eficaz levando a donzela a sentir-se rainha, o cavalheiro a imaginar-se nobre e o beijo a tornar-se épico.