Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Desabafos de um Vagabundo

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

Desabafos de um Vagabundo

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

11
Fev20

Beijo Einsteiniano

Gil Saraiva

105 - einsteiniano.jpg

106. Beijo Einsteiniano, em que a relatividade se explica pela fórmula E=mc², sendo E a Emoção, m o momento e a fusão dos dois corações envolvidos no ato, dito de outra maneira, E, que representa a Energia da Emoção do evento e é igual a m, que se traduz pela Massa, aqui representada pelo Momento, multiplicada por , que nada mais é do que a velocidade da luz no vácuo, que se explica simplesmente pela intensidade de dois Corações elevados à sua potência na prática do beijo que integra a pureza e a verdade. Enfim uma Lei Universal, a Emoção sentida num simples beijo destes só pode ser universalmente traduzida quando o momento ganha oportunidade e se torna facto na fusão absoluta de dois seres que, por esta via, chegarão à felicidade.