Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Desabafos de um Vagabundo

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

Desabafos de um Vagabundo

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

15
Fev20

Beijo Enciclopédico

Gil Saraiva

108 - enciclopédico.jpg

109. Beijo Enciclopédico, sempre longo, demorando deleitadas perpetuidades. Imaginem cada letra da Grande Enciclopédia Portuguesa e Brasileira como um beijo… seguidamente contando as letras e verificando que estamos na casa dos muitos milhões facilmente se conclui da impossibilidade de tanto beijo entregar. Nem mesmo durante toda uma vida por muito que essa vida durasse. Porém, se a tarefa fosse realizável, rapidamente se transformaria o beijar num pesadelo tenebroso e interminável. Só que o beijo enciclopédico faz algo bem diferente. Habilmente transforma cada letra, palavra, parágrafo e página, volume após volume, numa imensa dimensão do nosso querer, do nosso sentir para, no final, tudo resumir num só beijo. Assim se chega ao beijo de uma vida, de rendição absoluta, perdição eterna, de atração fatal, raro de acontecer, mas supremo quando é descoberto.