Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Desabafos de um Vagabundo

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

Desabafos de um Vagabundo

Serve este local para tornar visivel o pensamento do último dos vagabundos que conheço: EU! Aqui ficarão registados os meus pensamentos, crónicas, poemas, piadas, quadros, enfim, toda a parafernália que a imaginação e a veia me for dando.

23
Mai09

Cansada 23/05

Gil Saraiva

Cansada

"CANSADA"

Cansada de viver ali sozinha,
Com tanta gente sempre à sua volta;
Mas se sentindo presa quando à solta
Nesse grito de raiva se continha...

Cansada de calar a ladainha,
Daqueles entre quem se sente envolta,
Ela implora o momento da revolta,
Que jamais chega e nunca se adivinha...

Tão cansada de mágoas, decepções,
Desgostos e tristezas: podridões...
Tão mortalmente farta, dolorida,

Ela que já foi bela, jovem, nova,
Tão descansada está em fria cova
Que não me lembro já se teve vida!...

Haragano, O Etéreo in Quimeras de Quimera

Sozinha